quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Agora é para valer, eu acho!!

Hoje é o dia do retorno, pelo menos até agora nenhum voo foi cancelado, espero que fique assim.
Hoje também é dia de se pagar promessa, mesmo àquelas feitas para São Nunca, hoje é dia dele também, não se esqueçam!
Bem, a viagem foi muito boa, apesar dos contratempos de uma tragédia ocorrida aqui em NY.
Eu via as imagens na tv, mas achava que tudo estava bem distante de onde estou, na verdade eu não vi o furacão passar, fiz o que recomendaram, me recolhi ao hotel.
Ontem, depois de passar quase que o dia inteiro tentando marcar a passagem, saí caminhando por alguns lugares.
O trânsito estava caótico. As ruas 55, 56 e 57 fechadas entre a 7 e a 6 av, por conta do guindaste que quebrou e ainda está pendurado. Pontes ainda não haviam sido abertas, metro não funcionando, depois da rua 39 em direção ao sul, não sei até que rua, lado leste, sem luz, nem nos sinais.
Central Park fechado, muitas árvores caídas, fechado também para carros.
Aqui em Times Square, nada foi notado, a não ser as lojas fechadas, no mais, tudo normal, daí eu não ter notado a extensão do que foi o furacão.
Não sei quanto tempo levará para eles se recuperarem. O metro ainda está inundado, disseram que nunca houve fato semelhante.
Ontem na Grand Central, já tinham linhas de trens funcionando, poucas, elas também são subterrâneas quando saem da ilha.
Fato ocorrido no elevador ontem com brazucas. Estávamos em 5, um casal, duas mulheres com sotaque de interiorrrrrrrrrrr e eu. O casal meio que atrapalhado em usar o elevador, é daqueles que você aciona o andar no corredor e ele informa qual carro pegar, não sabia se entrava ou saía, as duas resolveram ficar em cantos opostos dentro do elevador, eu em um canto calado.
O casal com malas, nisso para em um andar e entra um homem gordo, que fechou a passagem de uma das mulheres. O elevador para no 15, o casal ia para o 16, sai o casal com malas, perceberam que estavam errados, volta o casal com malas, e uma das mulheres criando caso. No 16, andar do casal, na hora deles saírem, uma das mulheres, acho que estava aflita para ir ao banheiro, se embola nas malas deles, começa uma pequena confusão. Sai o casal, segue o elevador. As mulheres começam a falar até o 19, andar delas. Uma diz "paulistas" a outra, "não é não, é carioca", aí entrei em ação. Até então fico calado, não deixo perceberem de onde sou, mas não resisti. "Cuidado com o que fala, eu sou carioca, até então estou calado no meu canto, você não sabe o risco que corre". A mulher ficou verde, azul, não sabia onde enfiava a cara.
Esse pessoal do Brasil tem inveja do Rio,  vou sugerir a Prefeitura que cobre uma taxa de ingresso, um visto para entrar no Rio, moram num buraco no interiorrrrr, falam feio e ainda rotulam os outros.
Mais de uma pesquisa já mostrou que, um dos pontos altos do Rio é a simpatia do carioca.
É isso. Acabou, se bem que ainda tem a viagem de volta, mas isso eu conto depois.
Até!

3 comentários:

  1. carioca é tudo de bom!!!
    bom retorno
    good trip
    bjs

    ResponderExcluir
  2. kkkkkkkkkkkkkk adorei.... eu sou Perioca!! ZOZO

    ResponderExcluir